segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Sítio do Picapau Amarelo


        Dona Benta é dotada de uma cultura invejável, é o contraponto adulto para as reinações que Pedrinho, Narizinho, Emília e o Visconde nunca deixam de aprontar. Ela sempre conta uma história que todo mundo adora. As vezes Dona Benta conta um fábula, Emília sempre crítica uma fábula contada por Dona Benta, tudo porque as fábulas tem lá suas morais de história. Além disso explica através de suas histórias Física, Química, Matemática e outras matérias a partir do seu entendimento.
        Tia Nastácia trabalha no sítio como cozinheira de mão cheia. Também conta muitas histórias, mas enquanto Dona Benta utiliza-se de um ponto de vista mais culto, esta utiliza de sua linguagem simples e mais social, para contar histórias do cotidiano e do folclore brasileiro.
        Monteiro Lobato mostra que o que importa não é a formação avançada de quem conta e muito menos o conteúdo da história, desde que seja de importância e utilidade para aqueles que escutam e de dominio daqueles que contam.
       Das histórias dessas personagens existem principalmente dois livros:
Serões de Dona Benta e História das invenções: Certo dia, dona Benta resolve ensinar física aos meninos, e em vários serões faz um verdadeiro curso da matéria, melhor que quando feito, penosamente, nos colégios. A física perde a sua secura. Os diálogos, os incidentes, as constantes perguntas dos meninos e as ocasionais maluquices da Emília, amenizam o processo do aprendizado (1937).
Histórias de tia Nastácia: São as histórias mais populares do nosso folclore, contadas por tia Nastácia e comentadas pelos meninos. Nesses comentários, no fim de cada história, Pedrinho, Narizinho e Emília revelam-se bem dotados de senso crítico, e "julgam" as histórias da negra com muito critério e segurança. É um livro que "ensina" a arte da crítica - lição que pela primeira vez um escritor procura transmitir às crianças (1937).

2 comentários:

SOU MAIS EU,UAI! disse...

OLÁ! GOSTARIA DE PRIMEIRAMENTE PARABENIZAR PELA MATÉRIA AQUI EXPOSTA.
SUGIRO AGORA ALGUNS FRAGMENTOS CDE HISTÓRIAS DA TURMA DO SÍTIO ONDE POSSA TRABALHAR FILOSOFIA COM TURMA DE 2º ANO DO FUNDAMENTAL POIS ESTAMOS QUM UM PROJETO QUE SE ESGOTA NO FIM DO ANO, MAS SEMANALMENT TENHO AULA DE FILOSOFIA E GOSTARIA SE DETONAR O TEMA A SER TRABALHADO EM FILOSOFIA COM HISTÓRIA DA TURMA DO SÍTIO. GRATA.

20012 disse...

LEANDRO olá! gostaria de primeiramente parabenizar pela matéria aqui exposta.

Postar um comentário

Postar um comentário